Folk Lusitânia

Folk, Neo-clássico, New Age, World Music, Darkwave, Medieval, Música Étnica, Folk Metal, Symphonic Metal, Dark Ambient, Neofolk, Marcial.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Um dos mais influentes Rabis de Israel diz que: "Os Não-Judeus existem apenas para servir os Judeus." - A Natureza racista e xenófoba de Israel.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Aelle
Mestre


Masculino
Libra Porco
N. de Mensagens : 748
Idade : 33
Raça : Hobbit
Elemento : Terra/Rocha
Deus : Cronos (Tempo/Ordem/Lei)
Cor : Azul Escuro

MensagemAssunto: Um dos mais influentes Rabis de Israel diz que: "Os Não-Judeus existem apenas para servir os Judeus." - A Natureza racista e xenófoba de Israel.   Seg Mar 23, 2015 11:22 pm

Um dos mais influentes Rabis de Israel, Ovadia Yosef, muito próximo de Benjamin Netanyahu,
disse ao Jerusalem Post - Jornal Israelita de língua inglesa mais vendido do mundo:  

The sole purpose of non-Jews is to serve Jews. Goyim were born only to serve us. They have no place in the world - only to serve the people of Israel.

Why are gentiles needed? They will work, they will plow, they will sow, they will reap.

We will sit like an Effendi (master) and eat. That is why gentiles were created.


Goyim (e Gentios) é o que eles chamam aos não-Judeus.

Entretanto, inclusivamente juridicamente, Israel afirma-se como um estado racista:

Casamentos entre judeus e não-judeus ainda ilegal em Israel. A lei está relacionada
com a origem étnica, e não com religião. Um judeu ateu pode casar com uma judia religosa, por exemplo.

Ministro do Interior Israelita afirma, relativamente às políicas anti-imigração do seu Estado, que:

"Israel pertence ao homem branco."

Imaginemos se fosse um Europeu a dizer isso!

Entretanto, os media e a doutrina sionista que está por detrás dele, apoiam a imigração e o cosmopolitismo na Europa. Olha para o que eu digo, não olhes para o que eu faço. Aliás, pior. A Europa é prejudicada, intencionalmente. Dividir para reinar.

É importante que se compreenda que vivemos sob um regime totalitário. Hábil, subtil, é certo. Mas está a tornar-se demasiado óbvio. E antes de mais nada, é uma questão de dignidade e de justiça. Mas mesmo para quem não tem qualquer dignidade, ou honra, e portanto, não se rala em ser um servo, é importante lembrar que estas agendas produzem guerras. Nas últimas décadas, no Médio-Oriente. Durante a Guerra Fria, conflitos localizados por todo o Mundo. E essas guerras destroem regiões, matam centenas de milhares de pessoas. Inclusivamente Europeus, que desde 2004 sofrem atentados na própria Europa. Lembremos Madrid, e Londres. Devido ao seu envolvimento na guerra sionista do Iraque.

O regime económico-financeiro É o regime político! Não se iludam com este conjunto de patranhas que os "nossos políticos" nos querem fazer engolir, que afirmam que "Ao Privado o que é do Privado, ao Público o que é do Público." Não é verdade! As altas esferas estão todas interligadas. Deixam o FMI e a Goldman Sachs para vir para os Governos. E depois regressam para os seus verdadeiros patrões! E claro, enquanto cá estão, legislam no sentido de proteger esses mesmos feudos, e destruir as nações.

Os Políticos estão subordinados a uma cartilha política internacional, que serve os Senhores do Mundo. Privados, Financeiros. Sionistas ou seus aliados. E um belo dia acordamos e temos a água e os castelos privatizados. No entretanto, já a juventude está totalmente corrompida. É preciso recuar décadas para se ter alguma noção do que é o orgulho e identidade nacionais.

E por isso nada disto se sabe nos meios de comunicação social generalistas! E essa parte é que é aterradora! Porque, da mesma maneira que não se podem criticar os ditadores políticos identificados como tal, também não se pode criticar o Senhor Político-Financeiro: O Polvo Judeu Sionista.

Que, aliás, tritura os próprios Judeus que lutam contra tal situação.

Alguém um dia, relativamente à postura perante a política, dividiu os homens em três campos:

1-Combatentes
2- Indiferentes
3- Traidores

O traidor é inimigo. O Indiferente é carta fora do baralho, muitas vezes é também imbecil.

O Combatente, muitas vezes, precisa de ser acordado. É só por esses que vale a pena espalhar a verdade. E a verdade, a justiça, e a inteligência não são mercadorias, que é necessário fazer chegar ao maior número de pessoas possível.

Mais um interessante e revelador documentário de David Duke. Apenas 15 minutos:

https://www.youtube.com/watch?v=-TvSiYu8z2M
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Um dos mais influentes Rabis de Israel diz que: "Os Não-Judeus existem apenas para servir os Judeus." - A Natureza racista e xenófoba de Israel.
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» O mais novo site de leilões da internet
» Onde acho mais dessas sprites?
» Como colocar mais de 2 Quests num mesmo NPC?
» Qual a frase mais marcante que vc ja viu
» Qual é o Jounin mais forte?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Folk Lusitânia :: Parte Sul :: Templo do Conhecimento :: Notícias-
Ir para: